Soldado é ferido após tentativa de invasão a quartel no Rio

Troca de tiros no 26º Batalhão Paraquedista, na zona Oeste, será investigada

Marcelo Auler, de O Estado de S.Paulo,

12 de dezembro de 2010 | 13h51

RIO - Um soldado do Exército, Davis Soares de Almeida, de 19 anos, que montava guarda na madrugada de sábado para domingo no 26º Batalhão de Paraquedistas, na Vila Militar, em Deodoro, na zona oeste do Rio, foi baleado às 4h30 de domingo por dois homens que tentavam invadir o quartel. O Comando Militar do Leste (CDL), através de nota, informou que o caso está sendo visto como uma tentativa de roubo de armamento.

 

O soldado montava guarda no Posto Mandrulho, daquela unidade militar, quando avistou os dois homens e disparou, dando início à troca de tiros. Depois do tiroteio, os dois invasores fugiram em direção à Avenida Benedito da Silveira. A Polícia do Exército fez buscas na região, mas não encontrou os suspeitos. Nada foi roubado. Segundo o CDL, o sentinela foi ferido sem gravidade e passava bem no meio da tarde deste domingo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.