Soldado é preso no Rio portando uma granada

O soldado do Exército Leandro Alves Ferreira, de 21 anos, foi preso nesta sexta-feira em Mangaratiba, no sul fluminense, com uma granada. Leandro foi detido por homens do 33º Batalhão da PM (Angra dos Reis) depois de um acidente de trânsito. Os policiais encontraram oexplosivo sob um dos bancos do carro em que estava o militar.Na 165ª Delegacia Policial (Mangaratiba), Ferreira admtiu ter desertado do Exército. Ao checar o registro do automóvel, a polícia descobriu que ele pertence à viúva do traficante Ernaldo Pinto de Medeiros, o Uê, assassinado durante a rebelião promovida pelo grupo de Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar, no presídio Bangu 1, em 11 de setembro do anopassado.O soldado ficará preso no quartel em que servia, o 8º Grupo de Artilharia, integrado por pára-quedistas, na Vila Militar, em Marechal Hermes, na zona oeste.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.