Soldado mata capitão a tiros dentro do quartel no Rio

Inconformado com uma punição disciplinar, um soldado do 3º Batalhão da PM (Méier) matou a tiros um capitão da corporação, hoje à tarde, dentro do quartel. Até o fim do dia, o serviço de Relações Públicas da PM e a assessoria da Secretaria Estadual de Segurança Pública não haviam divulgado os nomes dos policiais envolvidos.O soldado, que foi detido na própria unidade, não aceitou a punição imposta pelo capitão, sacou a pistola e disparou pelo menos cinco vezes contra o superior. O crime aconteceu por volta das 17 horas. Até o início da noite, o comando do batalhão estava reunido a portas fechadas para discutir o caso. Agentes do Instituto de Criminalística Carlos Éboli estiveram no local para fazer a perícia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.