Soldado mata ex-mulher e comete suicídio

O soldado Alecsander Marcos Carvalho, do 14º Batalhão de Policiamento Militar do Interior (BPM/I), inconformado com a separação, matou com três tiros, a ex-mulher, Paula Aparecido de Jesus Carvalho, de 26 anos. Em seguida, o PM cometeu suicídio.Por volta das 19 horas de quarta-feira, o casal discutiu no interior de uma casa, na Vila Menck, cidade de Carapicuíba, na Grande São Paulo. Quando policiais militares chegaram ao local do crime, encontraram ao lado do corpo de Carvalho um revólver calibre 38, da corporação. O caso foi registrado no 1º Distrito Policial de Carapicuíba.

Agencia Estado,

19 de janeiro de 2006 | 10h36

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.