Soldado morre durante aula de tiros no Barro Branco

O soldado Francis Guerra, de 22 anos, morreu na noite desta terça-feira enquanto era socorrido no Hospital da Polícia Militar, após ser atingido por um tiro acidental quando praticava aulas de tidos em um stand ao lado da Academia da Polícia Militar, no Barro Branco, zona Norte da cidade. Segundo boletim de ocorrência registrado no 20º Distrito Policial, da Água Fria, o tiro saiu da arma de Carlos Magno dos Santos Bastos, de 2ª Classe do Centro de Formação de Soldados.Os dois foram levados pela Corregedoria da PM até o stand da PM para terem aulas de tiros. No momento em que Carlos manuseava a arma,ocorreu o tiro acidental, que atingiu Francis. Um inquérito foi aberto na Polícia Militar para que o fato seja apurado. O corpo de Francis está sendo velado desde às 4h desta quarta-feira noCemitério Vale Parque dos Pinheirais, na Avenida dos Manacás, nº 1420, no Jardim Primavera, em Mauá, no grande ABC.

Agencia Estado,

21 de janeiro de 2004 | 05h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.