SP: quadrilha rouba carga e policial é morto

Um policial civil foi morto na noite de ontem em confronto com uma quadrilha de roubo de cargas na zona leste da capital. O gerente de uma empresa de transporte de cargas suspeitou do roubo de um dos caminhões da frota por uma quadrilha, que mantinha o motorista refém, e acionou a polícia civil. Dois investigadores do 9º Distrito Policial do Carandiru conseguiram abordar o caminhão na Avenida Salim Farah Maluf, próximo à Ponte do Tatuapé, na zona leste da capital paulista. Quando se aproximaram do veículo, os policiais foram recebidos a tiros. O investigador Edson Rodrigues Moreira, de 26 anos, foi atingido por dois disparos no abdômen e socorrido ao Pronto-Socorro Tatuapé, mas não resistiu aos ferimentos. Três suspeitos foram detidos e encaminhados ao 81º Distrito Policial do Belém, onde o caso deverá ser registrado. Segundo informações de um policial de plantão, os detidos não estão envolvidos nesta ocorrência, mas têm passagens policiais. Neste momento, as diligências continuam para tentar localizar os autores dos disparos. Na noite de terça-feira, o delegado Oscar Tadeu de Castro Matos, de 46 anos, foi baleado em tiroteio também com uma quadrilha especializada em roubo de cargas. Matos ficou gravemente ferido no confronto com os assaltantes na Rodovia Presidente Dutra.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.