AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

SP terá presídio para detentos da terceira idade

O sistema carcerário de São Paulo terá um presídio para detentos da terceira idade. Os presos de mais de 60 anos vão cumprir pena numa das 11 penitenciárias que estão sendo construídas no interior. Elas ficarão prontas em seis meses. A novidade foi anunciada nesta terça-feira pelo secretário da Administração Penitenciária, Nagashi Furukawa, ao ser ouvido na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Sistema Prisional, na Assembléia Legislativa. Furukawa explicou que, além de separar os detentos com 60 anos, vai utilizar um outro presídio para abrigar presos primários, sem periculosidade, autores de pequenos furtos, crimes de receptação e estelionato. "Já estamos tomando providências para separá-los." O secretário anunciou a compra de 50 detectores de metal que serão instalados nos presídios para impedir a entrada de armas e celulares. "Já temos 32 detectores em diversos presídios do interior e esperamos equipar o Complexo do Carandiru." Os deputados quiseram saber o que está sendo feito para conter o avanço do Primeiro Comando da Capital (PCC) e a corrupção de funcionários.A corregedoria da secretaria, disse Furukawa, instaurou 276 sindicâncias de janeiro de 2000 a 31 de maio deste ano para apurar falhas dos agentes - 59 deles foram demitidos.

Agencia Estado,

12 de junho de 2001 | 22h32

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.