STF manda refazer julgamento de acusado

O Supremo Tribunal Federal (STF) determinou que a Justiça fluminense refaça parte do julgamento do ex-policial militar Anderson Silva de Souza, acusado de envolvimento na morte de René Senna, ganhador de R$ 51,8 milhões da Mega Sena. A decisão foi tomada após análise de habeas corpus impetrado pela defesa. Segundo o STF, após o interrogatório o juiz não perguntou ao advogado de Souza se restava algum fato a ser esclarecido, o que contradiz o direito à ampla defesa. Souza seguirá preso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.