STJ suspende transferência de Beira-Mar para o Rio

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) suspendeu nesta quarta-feira a transferência do traficante Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar, do presídio de segurança máxima de Presidente Bernardes, no interior paulista, para o presídio de Bangu 1, determinada pelo juiz corregedor de Presídios de São Paulo, Miguel Marques e Silva.O ministro relator do STJ, Jorge Scartezzini, alegou questões de segurança pública para manter o traficante preso em São Paulo. A decisão de Scartezzini foi tomada após analisar recurso do Ministério Público do Rio de Janeiro.O traficante está condenado a 21 anos de prisão por tráfico de drogas e responde a vários outros processos pelo mesmo crime e também por homicídio. Na avaliação do governo federal, dificilmente Beira-Mar deixará o presídio de Presidente Bernardes, para onde foi transferido há quase três meses.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.