Sub-relator da CPI das Sanguessugas acusa Berzoini

O deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP), sub-relator de sistematização da CPI das Sanguessugas, disse na sexta-feira, não ter "a menor dúvida" de que Ricardo Berzoini, presidente licenciado do PT, sabe da origem do dinheiro do dossiê."Chega de hipocrisia, não existe a menor possibilidade de Berzoini estar fora da trama", declarou Sampaio que, sábado à noite chega a Cuiabá, acompanhado de outros parlamentares, para investigar o dossiê. "Berzoini sabe que o dinheiro é ilícito, eu afirmo categoricamente, por isso é bom mesmo que a Polícia Federal o chame para depor. Só ele poderá esclarecer de onde saiu o dinheiro." Ele afirmou, ainda, que "não espera absolutamente nada" do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), do Ministério da Fazenda, que tem responsabilidade pela identificação de movimentações financeiras atípicas. "Não vamos mais perder um único minuto com o Coaf, que o PT está usando como seu instrumento para desviar o foco e protelar as investigações", asseverou o deputado tucano.Sampaio disse ter concluído que Berzoini é peça-chave do esquema de compra do dossiê anti-José Serra, do PSDB, depois de montar um organograma minucioso com dados colhidos pelas CPIs do Mensalão e das Sanguessugas e mais os dados que constam do inquérito do dossiê.O trabalho foi executado por meio do sistema I 2, adotado pelas CPIs para facilitar o cotejo de informações. "O organograma deixa claro o inter-relacionamento de Berzoini com os principais elementos do dossiê", destacou Carlos Sampaio, referindo-se a Gedimar Passos, Valdebran Padilha, Jorge Lorenzetti, Expedito Veloso, Osvaldo Bargas, Freud Godoy e Hamilton Lacerda, os sete petistas que estão na mira da Polícia Federal. Para Sampaio, a ligação do presidente licenciado do PT com os protagonistas da farsa "são óbvias e públicas"."Se o Berzoini não questionou seus parceiros sobre a origem do dinheiro é porque ele sabe que a fonte é escusa", insistiu o parlamentar. "Ninguém é afastado assim, sem mais nem menos, da coordenação de uma campanha presidencial e da presidência do PT. Não estou dizendo que o presidente Lula soubesse da origem do dinheiro, mas ele sabe porque afastou Berzoini da sua campanha."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.