Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Submarino nuclear francês vai reforçar buscas

Do lado francês, a disposição é de investir firme nas buscas. Dois submarinos - o primeiro uma máquina de guerra nuclear, o Emeraude, e o segundo o pequeno Nautile, famoso por suas buscas no Titanic - vão se juntar nos próximos dias às embarcações da Marinha do país, além de dois navios norte-americanos equipados de sensores de ondas sonoras. As duas caixas-pretas, equipamentos fabricados em metal e pintados na cor laranja - têm funções diferentes: a primeira, o Flight Data Recorder (FDR), registra os parâmetros de voo, enquanto a segunda, o Cockpit Voice Recorder (CVR), grava conversas e sons na cabine de pilotagem. Potencialmente, os gravadores trazem informações cruciais para as investigações. Mas, lembra Paul-Louis Arslanian, diretor do Escritório de Investigação e Análise para a Aviação Civil (BEA), o risco de que estejam deterioradas ou que não tenham registrado informações relevantes não pode ser negligenciado.

, O Estadao de S.Paulo

07 de junho de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.