Sul do País tem 100 cidades em calamidade devido a chuvas

Santa Catarina e Rio Grande do Sul são os mais afetados e contabilizam mais de 100 mil atingidos pelos temporais

Agência Brasil,

07 de outubro de 2009 | 15h15

Cresce o número de cidades afetadas pelas chuvas na Região Sul no País. Setenta municípios estão em estado de emergência ou decretaram estado de calamidade pública em Santa Catarina. Segundo a Defesa Civil do Estado, o número de pessoas atingidas passa de 100 mil e mais de 9 mil estão desabrigadas. Já no Rio Grande Sul, 32 municípios decretaram estado de calamidade pública e mais de mil já foram afetados. As regiões atingidas começam a receber doação e contabilizar os prejuízos para recomposição das cidades.

 

Veja também:

linkConfira a previsão do tempo para todo o País nesta quarta-feira

linkPrevisão é de mais temporal nesta 4ª em São Paulo

 

Até o momento, a Polícia Rodoviária Federal de Santa Catarina não constatou nenhuma ocorrência grave que necessite desvio no trânsito, embora exista uma recomendação para que os motoristas transitem com cautela devido às chuvas.

 

De acordo com a secretária nacional da Defesa Civil, Ivonete Valente, o Ministério da Integração Nacional liberou recentemente R$ 26 milhões para socorro e assistência à população em Santa Catarina e R$ 5 milhões ao governo do Rio Grande do Sul. A secretária acredita que o Estado deva utilizar recursos próprios na revitalização das cidades atingidas. O Paraná não solicitou verba ao ministério.

 

Ivonete Valente acredita que, apesar dos desastres naturais, a população têm recebido os cuidados necessários. "A população está bem assistida. O governo vem garantindo alimento e abrigo. Os danos materiais levam um certo prazo para reconstituição. É uma questão que demanda tempo, até porque eles ainda enfrentam situações de chuvas", afirmou.

 

Segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), a região oeste catarinense pode sofrer com pancadas de chuvas mais fortes, até esta quinta-feira. Já no Rio Grande do Sul as chuvas apresentam redução.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.