Supervia é penalizada por morte de pedestre

A Supervia foi condenada a pagar R$ 41.500 à viúva e à filha de Leonardo Prudêncio, que morreu ao atravessar a linha de trem por uma passagem irregular em Madureira, zona norte do Rio. A decisão da 1ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça considerou que a empresa tem culpa por não ter evitado que pedestres atravessassem a passagem.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.