Suplicy diz que Lula deveria ir a debates na TV

O senador Eduardo Suplicy disse nesta quarta-feira, 02, que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva deveria concordar em participar de debates nos meios de comunicação, de forma a equilibrar as condições de disputa com candidatos que não possuem a vantagem de ocupar a presidência. De acordo com ele, esta seria uma forma de garantir uma igualdade maior na disputa presidencial, considerando as distorções naturalmente criadas pelo sistema de reeleição."Minha posição é de que o presidente deve aceitar participar em pé de igualdade dos debates nos meios de comunicação", disse Suplicy, lembrando que até agora não se sabe ao certo se Lula aceitará ou não o convite de redes de televisão como Globo e Bandeirantes para discutir frente a frente suas propostas com seus adversários.Na avaliação de Suplicy, o presidente Lula "tem procurado agir de acordo com os limites colocados pela lei eleitoral" em sua campanha à reeleição. Ele insistiu, por outro lado, que o simples fato de ele ocupar a presidência lhe traz vantagens competitivas na eleição. "Cada gesto de um presidente é naturalmente objeto de atenção da mídia e da opinião pública", acrescentou.Na avaliação do senador, a disposição de Lula em participar dos debates também seria uma forma de "dar o exemplo" ao ex-prefeito de São Paulo, José Serra, que vem sendo acusado em diversas ocasiões pelo senador Aloizio Mercadante de fugir do debate na disputa pelo governo paulista. Suplicy alega que, ao concordar com os confrontos nos meios de comunicação, Lula poderia incentivar Serra a seguir a mesma estratégia. "É dar o exemplo aceitar disputar no debate com seus adversários", disse Suplicy.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.