Suspeito de agredir ministro do STJ tem prisão decretada

A Justiça do Rio decretou a prisão temporária de Felipe Pimentel de Oliveira Costa Vieira, de 22 anos, reconhecido pelo ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Luís Fux, como um dos homens que invadiram seu apartamento na noite de sexta-feira, em Copacabana, e de quem sofreu agressões. Felipe também é morador de Copacabana e está sendo procurado pela Polícia. O ministro continua internado num hospital da zona sul do Rio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.