Suspeito de comandar tráfico no Morro dos Macacos é transferido para presídio no Rio

Ele é apontado como o homem de confiança do traficante Antônio Bonfim Lopes, o Nem da Rocinha

estadão.com.br,

05 Março 2012 | 22h28

SÃO PAULO - O suspeito de ser o ex-chefe do tráfico de drogas no Morro dos Macacos, em Vila Isabel, na zona norte do Rio de Janeiro, foi transferido na tarde desta segunda-feira, 5, para o presídio Ary Franco. Isaías de Oliveira Cabral, de 48 anos, conhecido como Borrof, foi preso pela manhã numa operação do Batalhão de Operações Especiais (Bope) em Magé, na Grande Rio.

Segundo a Polícia Militar, Borrof estava vivendo como pescador. Ele era aliado do traficante "Scooby" e homem de confiança do traficante Antônio Bonfim Lopes, o Nem da Rocinha. Há informações que o bandido fugiu do cerco policial realizado durante a operação na comunidade da Rocinha. O Disque-Denúncia oferecia recompensa de R$ 1 mil pela captura de Borrof.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.