Suspeito de matar padre e ex-seminarista é preso em Volta Redonda

Foram encontrados um laptop e um aparelho de DVD que haviam sido roubados da casa do padre

Fabiana Marchezi, do estadão.com.br

17 de março de 2010 | 10h22

A Polícia Civil do Rio prendeu na noite de terça-feira, 16, um dos suspeitos de matar um padre e um ex-seminarista em Volta Redonda, no Rio. O padre Dejair Gonçalves de Almeida e o ex-seminarista Epaminondas Marques da Silva foram mortos no último domingo, 14, na mesma cidade.

 

Segundo a polícia, Quintiliano da Silva, de 19 anos, foi preso na casa de familiares, no bairro de Água Limpa. Com ele, foram aprendidos um laptop e um aparelho de DVD que haviam sido roubados da casa do padre. Também foram localizadas roupas com manchas de sangue.

 

Contra Silva havia um mandado de prisão pendente, expedido pela Vara Criminal de Barra Mansa, pelo crime de homicídio. O outro suspeito do crime já foi identificado e está sendo procurado pela polícia. O caso está sendo investigado pela 93º Delegacia de Polícia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.