Suspeito de ter seqüestrado mãe de jogador é preso

A polícia prendeu nesta segunda-feira, 7, Eduardo Aparecido de Almeida, conhecido como Pisca. Ele é acusado de seqüestrar a mãe do jogador Kleber Carvalho Correia, lateral-esquerdo do Santos Futebol Clube. Noêmia Carvalho Correia, de 53 anos, foi levada por cinco homens armados ao abrir a porta de sua casa em Itaquera, zona leste, para um desconhecido, às 9 horas de quarta-feira, 2.O preso também é acusado de ser o mentor do ataque ao Centro de Integração da Cidadania, no Jaçanã, na zona norte da capital, atribuído ao Primeiro Comando da Capital. No momento da prisão, Almeida apresentou documentos falsos à polícia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.