Suspeitos de fraude, coronéis são presos

A Secretaria da Segurança Pública da Bahia anunciou na tarde de ontem que foram presos três coronéis da Polícia Militar, acusados de fraude na licitação para a compra de 200 carros, comprados no ano passado. Segundo primeiras informações, entre os presos está Jorge Ribeiro de Santana, comandante-geral da Polícia Militar da Bahia entre janeiro de 2003 e agosto do ano passado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.