Suspensa greve do metrô em São Paulo

Os metroviários de São Paulo decidiram suspender a greve que estava prevista para começar à 0h desta terça-feira. Em assembléia realizada nesta noite, a categoria resolveu esperar até o julgamento do dissídio pelo TRT (Tribunal Regional do Trabalho), marcado para a próxima quinta-feira.Representantes da Companhia do Metropolitano esindicalistas se reuniram nesta segunda-feira no TRT, mas não chegaram a um acordo.A categoria reivindica reajuste de 18,13%, referente a perdas salariais. O salário médio dos metroviários, segundo o sindicato, é de R$ 1.600. Os trabalhadores querem ainda a criação de um plano de carreira e a fixação do trabalho de 36 horas semanais para toda a categoria.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.