Suspensa novamente a greve dos penitenciários de SP

Os agentes penitenciários de São Paulo decidiram suspender novamente a greve da categoria. Em consequência, a situação voltou ao normal nos 47 presídios do Estado afetados pela paralisação. O banho de sol dos presos foi liberado. Segundo o Bom Dia SP, da TV Globo, a greve foi suspensa para que os agentes voltem a negociar com o governo do Estado, que tem se recusado sistematicamente a conversar com funcionários públicos com as atividades paralisadas. Essa é a segunda vez que os servidores interrompem o movimento para negociar com a Secretaria Estadual de Administração Penitenciária. Uma reunião entre as partes para negociar o reajuste salarial dos servidores está marcada para a próxima quinta-feira. Os agentes penitenciários prometem parar novamente se não houver um acordo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.