Susto para ''rainmaker'' novato

Participar do seleto clube dos ?rainmakers? não é fácil. Para voar num pequeno Aztec, é preciso audácia. Você ficará dentro de um cumulus congestus a 3 mil metros de altura. Nosso vôo durou uma hora. Sobrevoávamos Atibaia quando ouvimos pelo rádio o aviso de que havia outra aeronave na mesma rota. Ninguém viu. O bimotor chacoalha muito. "Quanto mais balança, mais corrente ascendente de ar e turbulência", explicou o piloto. Esse chacoalhar deixou enjoados os dois ?semeadores? de nuvens de primeira viagem - eu e o fotógrafo Sérgio Neves. Em terra, ficou visível a cara de náusea. "Quando o piloto falou que voltaria para reabastecer de água, pensei em dizer que faria as fotos do chão", desabafou Neves. Também pensei, e não disse, que ficaria no chão. Mas não precisou voltar a voar. Choveu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.