TAM registra redução no índice de atrasos e cancelamentos de voos

Dos 950 voo programados, 36 foram cancelados e 55 sofreram atrasos

Priscila Trindade - Central de Notícias,

30 Novembro 2010 | 11h18

SÃO PAULO - Os índices de voos atrasados e cancelados da companhia aérea TAM nos principais aeroportos do País estão dentro da normalidade na manhã desta terça-feira, 30, segundo balanço divulgado pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero).

 

Dos 310 voos domésticos da empresa previstos até as 11 horas, 15 (4.8%) registraram atraso superior a meia hora e 12 (3.9%) foram cancelados. Em todo o País, dos 950 voos programados, 55 (5.8%) atrasaram e 36 (3.8%) foram cancelados. Entre os 61 voos internacionais, 8 (13.1%) atrasaram e 3 (4.9%) foram cancelados.

 

Desde domingo, 28, passageiros da TAM enfrentaram dificuldades para embarcar em diversos aeroportos do País devido a falta de tripulação. Os aeroportos mais afetados foram Cumbica, em Guarulhos, na Grande São Paulo, Congonhas, na zona sul de São Paulo, e Santos Dumont, no Rio de Janeiro.

 

Em razão dos problemas, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) determinou que a empresa suspenda a venda de passagens para todas as rotas domésticas com decolagem prevista até sexta-feira, 3. A TAM atribuiu ao mau tempo a culpa pelos atrasos e cancelamentos acima da média.

Mais conteúdo sobre:
TAM Anac cancelamentos

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.