TAM suspende venda de passagens para todos os vôos

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) determinou a suspensão das vendas de bilhetes para todos os vôos da TAM, em todo o País, até domingo, dia 24, com o objetivo de reacomodar os passageiros que ainda aguardam pelo embarque. Conforme a assessoria da companhia aérea, os interessados em passagens para outras datas poderão efetuar a compra normalmente. A média diária de vôos da TAM é de 670. Para obter mais informações, os passageiros podem ligar nos telefones 4002-5700 ou 0800 570 5700.Pela manhã, o presidente da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Milton Zuanazzi, afirmou em entrevista à Rádio Guaíba, de Porto Alegre (RS), que o órgão enviou funcionários para monitorar o sistema de reservas da TAM em São Paulo e, após conversa com a diretoria da empresa, ficou acertado que a TAM não poderia vender passagens para os vôos em que há passageiros aguardando embarque, até que os problemas estejam solucionados. "Houve ontem um início de ajuste, mas o problema agravou-se hoje pela manhã", comentou, na entrevista. "Não deveria ter se agravado, ao contrário, nós deveríamos ter sentido uma melhora, mesmo que não total, e especialmente nestes vôos da TAM houve uma piora. Isso motivou a Anac a tomar essas decisões", explicou o presidente da agência. Questionado sobre a possibilidade de "overbooking" por parte das empresas aéreas, Zuanazzi disse que, se isso ocorrer, a Anac tomará atitudes para coibir a prática.Durante a entrevista, Zuanazzi foi informado pela emissora que o painel de vôos do Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre, foi desligado esta manhã, por volta de 10h30. O presidente da Anac observou que a Infraero teve sobrecarga em seu call center, que recebia uma média de 1 milhão de consultas por hora, mas hoje chegou a registrar 3 milhões. Matéria alterada às 15h30 para atualização de informações

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.