Tarso Genro diz que FHC perdeu o equilíbrio emocional

O ministro das Relações Institucionais, Tarso Genro, afirmou nesta terça-feira, 22, que o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso "perdeu o equilíbrio emocional e político" ao afirmar que as irregularidades cometidas por petistas no governo justificariam o impeachment do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. "Fernando Henrique está desequilibrado, porque vem sendo escondido por seus companheiros do PSDB, e seu governo é ignorado", rebateu Tarso, em entrevista no Palácio do Planalto.Articulador político do governo Lula, Tarso disse que as afirmações feitas por Fernando Henrique revelam o desejo de voltar à cena política para "se vingar" dos próprios tucanos. "Ele quer se vingar dos seus colegas, porque está sendo isolado. O seu governo não é defendido na campanha, sua figura não é lembrada, e sua fisionomia política é depreciada por seus companheiros", provocou.Irônico, o ministro afirmou que o candidato do PSDB à presidência da República, Geraldo Alckmin, deveria defender Fernando Henrique em seu programa eleitoral na TV. "Mas, como isso não pode ser feito, houve uma espécie de divórcio no ninho tucano", interpretou Tarso. Na cúpula do PT e do governo, petistas dizem ter pesquisas indicando que o ex-presidente "tira votos" e não é um bom cabo eleitoral.O novo bombardeio de Fernando Henriquena direção de Lula foi feito na segunda, 21, em São Paulo. Em palestra sobre ética e cidadania, o ex-presidente disse que o quadro político brasileiro "piorou muito" na gestão Lula, por disseminar a corrupção. Ao falar sobre a crise política que atingiu o governo, o ex-presidente afirmou que Lula deveria ser "responsabilizado".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.