Taxista é morto em suposta tentativa de assalto

Baleado na cabeça, no interior do veículo com o qual trabalhava, o taxista Raimundo da Silva, de53 anos, foi encontrado, já quase sem vida, por volta da 1h desta terça-feira, na Rua Engenheiro João Lang, no Jardim Martini, na zona Sul da capital paulista. Mesmo levado por policiais militares da 4ª Companhia do 22º batalhão ao Pronto-Socorro Pedreira, o taxista não resistiu.Como nada foi levado da vítima, além do fato do veículo também ter sido atingido por disparos de arma de fogo, a polícia acredita que Raimundo teria tentado fugir de um assalto e acaboubaleado por um dos tiros que foram disparados pelo(s) bandido(s) na direção do veículo.Um colega do taxista, dono do carro, que também trabalha na praça e dividia com o amigo o veículo, compareceu ao 80º Distrito Policial, de Vila Joaniza, onde o crime foi registrado. O taxista morto não tinha passagem pela polícia, que não descarta outras hipóteses para o crime, a principio de tentativa de roubo seguida de morte.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.