Taxista português é preso no RJ acusado de pedofilia

O taxista português Luiz Ribeiro Carocha, de 59 anos, foi detido nesta sexta-feira, 26, em Copacabana, no Rio de Janeiro, sob a acusação de ter cometido os crimes de pedofilia, estupro e exploração sexual. Com um mandado de busca em mãos, policiais da Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (DCAV) aprenderam na casa de Carocha diversas fotos de mulheres nuas e seminuas, não identificadas. O português também é acusado de ter violentado uma adolescente de 14 anos em setembro de 2006.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.