Técnico em eletrônica é condenado a 42 anos

O técnico em eletrônica Marcelo Adriano Barbosa, de 42 anos, foi condenado a 41 anos e oito meses de prisão por violência sexual. A sentença é do último dia 2. Segundo a polícia, Barbosa molestou várias vezes uma criança de 4 anos em 2006. O acusado ainda responde por outros crimes semelhantes. As investigações começaram em setembro, a partir de um vídeo onde Barbosa aparecia praticando atos sexuais com a sobrinha de sua namorada. Os crimes aconteceram no apartamento dele, na zona leste de São Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.