Técnicos dão dicas para prevenir acidentes no réveillon do Rio

Pela primeira vez, técnicos da Defesa Civil do Rio de Janeiro promoveram nesta quarta-feira palestras na praia para alertar as pessoas sobre o risco de acidentes durante o réveillon. Eles distribuíram uma cartilha, passaram noções de primeiros socorros e deram dicas do que não levar para a festa, como objetos cortantes e de vidro. Pela manhã, bombeiros fiscalizaram as oito balsas carregadas com os fogos que iluminarão a passagem de ano em Copacabana. Segundo eles, não há irregularidades. As tendas da Campanha Proteção Solidária foram montadas em três pontos do calçadão de Copacabana, onde dois milhões de pessoas são esperadas na noite da virada. A Defesa Civil também vistoriou prédios e estabelecimentos comerciais do bairro para ver se a decoração não apresenta riscos. "Percebemos essa necessidade de informar. Aproximadamente 80% dos acidentes que acontecem no réveillon são de pequeno porte", disse o coronel Evandro Sarno, assessor especial da Defesa Civil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.