Tempo afasta turistas das areias, mas não do litoral

Os turistas que viajaram para a Baixada Santista neste feriado de Finados se depararam nesta quinta-feira, 2, com céu nublado e momentos que intercalaram pancadas de chuva e pequenas aberturas de sol. No entanto, o tempo ruim não foi um impedimento para a diversão.Em Santos, muitas pessoas aproveitaram para visitar o Aquário Municipal, na Ponta da Praia, que teve filas de 50 metros durante a maior parte do dia. A dona de casa Maria de Andrade Oliveira, de 32 anos, aproveitou a falta de sol para conhecer o local com o marido e o filho. A família mora em Cajamar, na Grande São Paulo, e viaja sempre para a Baixada, pois tem um apartamento em Guarujá. "Viemos ontem (quarta-feira) e vamos embora na segunda pela manhã para fugir do trânsito de domingo", disse.Já nas praias da cidade, o movimento foi fraco durante todo o dia, para tristeza dos vendedores da orla. Elinaldo Conceição de Oliveira, funcionário de um quiosque de água de coco no calçadão da Ponta da Praia, reclamou do movimento. "Foi muito fraco, teve pouca gente na praia e o pessoal que vem caminhar quase não consumiu porque não fez muito calor. Pela quantidade de gente que desceu, a gente esperava um movimento bem maior."Em Guarujá, porém, o tempo nublado não prejudicou alguns comerciantes. O gerente do restaurante Avelino`s, da Praia de Pitangueiras, Marcelo Reina, disse que o movimento foi bom. "Não tenho do que reclamar, sabe como é, paulista vai para a praia mesmo com chuva". Reina disse que os turistas também lotaram as praias da Enseada e do Tombo, onde há outras unidades do restaurante.TrânsitoA concessionária Ecovias, que administra o sistema Anchieta Imigrantes, divulgou que cerca de 145 mil veículos seguiram para o litoral até às 18 horas desta quinta, de acordo com contagem iniciada a partir da meia-noite de quarta.O fluxo de veículos foi intenso durante todo o dia, sendo necessária a implantação da Operação Descida (7x3) por volta das 10 horas. A partir desse momento, os motoristas passaram a utilizar as pistas norte e sul da Via Anchieta e a pista sul da Rodovia dos Imigrantes para descer a serra. Já a subida passou a ser feita somente pela pista norte da Imigrantes. A previsão da concessionária era de que entre 250 e 350 mil veículos seguissem para a Baixada durante todo o feriado prolongado.De acordo com o Departamento de Operação de Tráfego da Dersa, cinco balsas operavam na travessia Santos-Guarujá e uma balsa na travessia entre Guarujá e Bertioga. O tempo ficou nublado praticamente todo o dia, mas não houve tempo de espera em ambas as travessias.Previsão do tempoA previsão do tempo traz más notícias para os turistas que pretendiam ter um feriado de sol na Baixada Santista. De acordo com o site "Climatempo", o céu deve permanecer nublado em toda a região na sexta, 3, e sábado, 4, com pancadas de chuva ocasionais e temperaturas máximas de 26 graus. O sol deve aparecer apenas na manhã de domingo.No entanto, para quem não se importar em tomar banho de mar e de chuva ao mesmo tempo, a boa notícia é que a maioria das praias da região está própria para banho.Em Santos, Bertioga, Itanhaém e Peruíbe todas as praias foram liberadas para banho, de acordo com a análise de amostras de água coletada na última semana pela Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb). Nas demais cidades da Baixada, as praias consideradas impróprias para os banhistas são: Perequê, em Guarujá; Praia da Divisa, Milionários e Itararé, em São Vicente; Jardim Solemar, em Praia Grande e Santa Eugênia, em Mongaguá.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.