Tempo bom, em São Paulo, até sexta-feira

Depois dos primeiros dias com jeito de inverno, a umidade diminuiu e o sol voltou a predominar em São Paulo. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou mínima de 9,5 graus ao amanhecer e máxima de 18,4 graus às 15 horas de hoje, na estação do Mirante de Santana, na zona norte da capital. A menor temperatura do ano, na cidade de São Paulo, é de 7,6 graus, ocorrida no outono, no dia 6 de junho. Nos próximos dias, a temperatura continua subindo lentamente à tarde e a madrugada permanece fria, com mínima entre 11 e12 graus, segundo o meteorologista da Climatempo Alexandre Nascimento. A máxima chega a 25 graus na sexta-feira, quando uma nova frente fria atinge São Paulo, trazendo nuvens e chuva a partir da tarde para a maior parte do Estado. Apenas no norte paulista o tempo permanece seco. Até lá, os ventos que sopram do mar para o continente formam névoa no começo do dia na faixa leste, onde estão a capital e o litoral.A frente fria que trouxe chuva e queda de temperatura para o centro-sul do Brasil já está na Bahia e forma muita instabilidade sobre o sul e o leste baiano. Essas instabilidades se unem às nuvens tropicais vindas do oceano, com previsão de boas chuvas durante a semana em todo o litoral nordestino.A massa de ar polar, que baixou a temperatura depois da passagem da frente fria, avançou até o Estado do Acre , provocando o fenômeno friagem. Com ocorrência de até seis vezes entre o outono e o inverno, dessa vez a friagem não atingiu a maior parte do sul da região amazônica, restringindo-se ao Acre. Em Rio Branco, a temperatura chegou a 15 graus no início desta manhã, enquanto a média das mínimas é de 18,5 graus, neste mês, de acordo com a Climatempo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.