Temporais devem atingir oito Estados, alerta Defesa Civil

As defesas civis de oito Estados das regiões Norte, Nordeste e Sul do Brasil foram alertadas pela Secretaria Nacional da Defesa Civil (Sedec), do Ministério da Integração Nacional, quanto à possível ocorrência de temporais entre esta segunda-feira, 26, e terça-feira, 27.De acordo com a Sedec, ainda nesta segunda, no Norte, áreas de instabilidade associada à Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) dão origem a nuvens carregadas que provocarão pancadas de chuva no Pará, Amazonas e Amapá. Em alguns momentos, a chuva poderá ser acompanhada por raios, principalmente, nas regiões do centro-norte do Pará e do Amazonas. Em Roraima, áreas de instabilidade tropicais dão origem a nuvens carregadas que provocarão pancadas de chuva, acompanhadas de descargas elétricas.Também nesta segunda, na região Nordeste, áreas de instabilidade vindas do oceano, associadas à ZCIT, dão origem a nuvens carregadas que provocarão pancadas de chuva no centro-norte do Maranhão e no norte do Piauí. Em alguns momentos, a chuva poderá ser intensa e seguida por descargas elétricas, principalmente, no norte e litoral do Piauí. No Ceará, áreas de instabilidade vindas do oceano dão origem a nuvens carregadas e profundas que provocarão pancadas de chuva no litoral e norte do Estado. A chuva também poderá ser acompanhada de descargas elétricas.Já no Sul do País, novas áreas de instabilidade vindas do norte da Argentina provocarão pancadas de chuva no Rio Grande do Sul, ainda nesta segunda. Em alguns momentos, o temporal poderá ser acompanhado por raios e ventos de até 60 quilômetros por hora, principalmente no oeste, sul e centro do Estado. Na terça, 27, o risco de chuva permanece no centro-sul gaúcho.A Sedec recomenda que a população evite áreas de alagamento e locais com pouca ou nenhuma proteção contra raios e ventos fortes. Há risco de deslizamento de morros e barreiras. Os alertas foram baseados em informações do Centro Nacional de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (Cptec).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.