Temporal destelha mais de 260 casas durante temporal em MS

Fortes ventos e chuvas de granizo atingiram diversas cidades do estado

Priscila Trindade, Estadão.com.br

27 de setembro de 2010 | 11h19

SÃO PAULO - Boletim parcial da Defesa Civil aponta que ao menos 265 casas foram destelhadas durante o temporal que atingiu Mato Grosso do Sul, no domingo, 26.

 

Por volta das 8 horas de ontem, a capital foi atingida por uma chuva de granizo. Os fortes ventos derrubaram mais de 30 árvores e inundou bairros. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) constatou que o vento derrubou seis torres de alta tensão às margens da Rodovia BR-262, no km 305, em Campo Grande. No mesmo local, um caminhão carregado com eletrodomésticos tombou com a força do vento. O motorista não ficou ferido.

 

Na cidade de Naviraí, onde também foi registrada queda de granizo, 150 casas foram destelhadas. Em Dourados, 70 imóveis foram prejudicados e mais de 40 árvores foram derrubada pelo mau tempo. Cerca de 480 pessoas foram afetadas.

 

Em Ponta Porã, a casa do indígena José Arce, de 45 anos, foi atingida por um raio. Ele morreu carbonizado e a mulher dele ferida. Pelo menos 45 residência ficaram destelhadas na cidade.

 

Ventos com velocidade de 125 km por hora atingiram Corumbá. O levantamento dos prejuízos está sendo realizado hoje. A Defesa Civil monitora os municípios afetados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.