Temporal inunda zona rural de Campos de Goytacazes, no norte do Rio

Quatro horas de chuva forte fez rio e lago transbordarem, afetando estradas e ruas de Rio Preto

Solange Spigliatti, Central de Notícias

10 de dezembro de 2010 | 11h34

SÃO PAULO - Após quatro horas de forte chuva, algumas localidades na zona rural de Campos de Goytacazes, no norte do Rio, ficaram alagadas na tarde de quinta-feira, 9, segundo informações da prefeitura do município. A chuva teve início às 13h30 e terminou por volta das 17h30. Não houve nenhuma morte.

 

Segundo a prefeitura, moradores de Rio Preto foram afetados por uma tromba d'água que caiu durante toda tarde de ontem no distrito de Morangaba, a cerca de 30 km do centro da cidade. O grande volume de chuva fez transbordar o rio que dá nome ao bairro, que deságua na Lagoa de Cima.

 

Apesar dos transtornos, ninguém ficou ferido. Várias casas tiveram suas estruturas afetadas e foram interditadas pela Defesa Civil. Os desalojados pela água foram levados para a igreja local e para a Escola Estadual Norival Pero Moll, situadas na parte alta de Rio Preto. O balanço do trabalho da Defesa Civil no local será divulgado no final da tarde desta sexta-feira.

 

Segundo a prefeitura, a Lagoa de Cima transbordou e vários pontos de estradas de acesso ficaram interditados pela força de correntezas e por quedas de barreiras, como nas localidades de Deserto e Bonsucesso, onde a força da água que transbordou do Rio Preto formou cachoeiras sobre ruas e diversos pontos de estradas, que ficaram com valas e crateras. Na área urbana de Rio Preto, um veículo que estava estacionado foi arrastado pela torrente e desapareceu no canal que corta o perímetro urbano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.