Temporal no RS deixa um morto e dez desaparecidos

Ao menos dez moradores da região estão desaparecidos no município da região serrana do Rio Grande do Sul

Chico Guevara, Especial para o Estado

12 Março 2017 | 16h53
Atualizado 12 Março 2017 | 22h58

PORTO ALEGRE - Uma pessoa morreu durante o temporal com ventos fortes que atingiu São Francisco de Paula, na região serrana do Rio Grande do Sul, na manhã deste domingo, 12. A vítima estava em uma casa que foi atingida pelo desabamento do prédio de uma escola vizinha. Ao menos dez moradores da região estão desaparecidos. A Defesa Civil da cidade havia chegado a divulgar que duas pessoas tinham morrido na ocorrência, mas retificou a informação à noite, sem oferecer mais detalhes.

Segundo o órgão municipal, mais de 70 pessoas procuraram atendimento no hospital com ferimentosã. Dezenas de árvores tombaram ou tiveram galhos arrancados pela força do vento. Vias foram bloqueadas e o abastecimento de energia elétrica foi cortado.

O município pede auxílio a cidades vizinhas para a aquisição de lonas e telhas. A prefeitura está solicitando que funcionários de madeireiras auxiliem no corte de árvores para desobstruir ruas e avenidas. 

O ginásio municipal já reúne mais de 100 desabrigados, que precisam de doações de roupas e alimentos. Segundo a Defesa Civil, os socorristas conseguiram chegar a algumas localidades apenas no início da tarde. Isso pode aumentar o número de feridos a serem encaminhados ao Hospital de Caridade da cidade.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.