Termina o horário de verão em dez Estados

Atrase o relógio em uma hora; a economia de energia no País foi de 8,15% menor que na temporada 2009/2010

estadão.com.br

19 de fevereiro de 2011 | 23h26

SÃO PAULO - Após quatro meses em vigor, o horário de verão terminou. Desde a meia noite de sábado para domingo, 21, os relógios devem ser atrasados em uma hora em Brasília e nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná.

 

Na temporada 2010/2011 a redução do consumo de energia foi de 8,15% menor que no horário de verão anterior - de 2.587 MW para 2.376 MW - com uma diferença de 211 MW. A economia nos dois períodos foi de R$ 30 milhões.

 

 

Em São Paulo, os trens do Metrô e da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) e os ônibus da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) farão mais viagens no período do fim do horário de verão. O trens do Metrô e da CPTM funcionarão normalmente, até a 1h deste domingo.

 

Tudo o que sabemos sobre:
horário de verão, economia, energia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.