Termina rebelião de CDP em Guarulhos

Terminou por volta das 17 horas a rebelião dos presos do Centro de Detenção Provisória de Guarulhos, na Grande São Paulo. A rebelião começou às 14h15 desta segunda-feira, dia 1º, após uma tentativa de fuga frustrada. Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária, não houve feridos.Os presos renderam 11 agentes penitenciários e quatro deles foram soltos durante as negociações. Os outros reféns foram soltos por volta das 17 horas. Os presos entregaram uma arma 635 e a réplica de uma pistola, feita com caixas de fósforo. Por volta das 18 horas, os internos estavam sendo recolhidos para passarem por uma contagem. O Centro de Detenção de Guarulhos tem capacidade para 768 detentos, mas abrigava, em 17 de abril, 1.467 homens.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.