Termina rebelião de presos em Goiânia

Os presos rebelados do Pavilhão 1 da Casa de Prisão Provisória de Aparecida de Goiânia começaram a libertar alguns dos reféns às 5 horas de hoje. Pelo menos 40 reféns foram libertados e os presos estão dando prioridade à libertação de mulheres e crianças. Algumas reféns, que estão grávidas, serão removidas para o Hospital de Urgência de Goiânia. A rebelião começou ontem às 14 horas. A polícia ainda não confirmou a invasão da prisão pelo Pelotão de Choque da Polícia Militar. Dois presos teriam sido queimados vivos pelos demais 200 detentos amotinados no Pavilhão 1.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.