Termina rebelião em Bangu I

O Secretário de Segurança Pública do Rio de Janeiro, Roberto Aguiar, confirmou que a rebelião no presídio de segurança máxima Bangu I foi controlada. Segundo ele, os seis reféns que eram mantidos pelos amotinados foram libertados sem ferimentos. O secretário confirmou a morte de quatro detentos. São eles: Ernaldo Pinto Medeiros, o Uê; Carlos Roberto da Costa, o Robertinho do Morro do Adeus; Wanderley Soares, o Orelha (cunhado de Uê); e Elpidio Robô.Para ler mais sobre a rebelião em Bangu 1 e o tráfico no Rio: Beira-Mar lidera motim em Bangu e mata rivaisNo presídio, revolta; nas ruas, cenas de guerraBeira-Mar, primeiro brasileiro na lista negra dos EUABangu 1 tem 14 anos, 48 celas e muitas personalidadesDe Segurança máxima, prisão só tem o nomeQuem era UêQuem é CelsinhoMortes reforçam as bases de Beira-MarO mapa do tráfico no Rio

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.