Termina rebelião em Hortolândia

A rebelião promovida por 840 presos no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Hortolândia, região de Campinas, no interior do Estado de São Paulo, terminou às 2h15 desta madrugada, após a invasão de policiais militares da Tropa de Choque. O carcereiro, que era o único refém, foi liberado sem ferimentos.A polícia fará uma operação pente-fino na carceragem à procura de armas de fogo e estiletes. A rebelião teve início às 20h de ontem. O motivo da rebelião seria a nova regra que faz os visitantes estacionarem seus veículos a pelo menos 1,5 quilômetro de distância do CDP.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.