Termina rebelião em Maceió

Terminou no final da tarde a rebelião dos cerca de 450 presos do presídio São Leonardo, na periferia de Maceió. Pelo menos quatro deles foram mortos pelos próprios detentos. Por volta das 17 horas, após encaminhadas as reivindicações ao secretário de Justiça, Tutmes Airan, os presos entregaram seis revólveres tomados da guarda interna do presídio, além de estiletes e facas.Os presos pedem a revisão das penas dos presos que já cumpriram boa parte da penitencia; a volta da juíza de Execução Penais, Maria Nita; a saída de diretores de seguranças que agrediriam os presos, e o cumprimento de penas alternativas para presos com bom comportamento. Após a entrega das armas, uma comissão com integrantes do governo e da sociedade civil entrou no presídio para ver a situação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.