Testemunhas do Caso Enem serão ouvidas nesta quarta

Vazamaneto da prova foi revelado por reportagem do 'Estado' após duas pessoas tentarem vender o exame

Solange Spigliatti, Estadão.com.br

22 de setembro de 2010 | 12h55

SÃO PAULO - Cinco testemunhas de defesa no processo que apura o vazamento das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), ocorrido no ano passado, serão ouvidos na tarde desta quarta-feira, 22. O interrogatório dos réus deverá ocorrer na quinta-feira, 23.

 

Segundo a Justiça Federal de São Paulo, a audiência está prevista para começar às 14 horas, na 10ª Vara Federal Criminal de São Paulo, e será presidida pelo juiz federal substituto Márcio Rached Milani a portas fechadas, pois o processo tramita em segredo de justiça.

 

O vazamento da prova foi revelado pelo 'Estado', em outubro de 2009, após dois homens tentarem vender o exame por R$ 500 mil. A reportagem avisou o Ministério da Educação (MEC) sobre o vazamento. O Enem, que ocorreria em outubro, acabou adiado para o mês de dezembro.

Tudo o que sabemos sobre:
Enem 2009vazamentotestemunhasjustiça

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.