Tiroteio causa três mortes e oficina de armas é fechada no Rio

No Morro da Coroa, policiais encontram oficina para conserto de armas; tiroteio mata três na Favela do Aço

Agência Brasil,

24 Julho 2009 | 14h28

Uma oficina de conserto e manutenção de armas no Morro da Coroa, no Catumbi, no centro do Rio, foi desmontada na manhã desta sexta-feira, 24, por policiais da Delegacia de Combate às Drogas (Dcod). Houve intenso tiroteio por volta das 7h, quando os agentes da Dcod chegaram ao local. Ainda não há informações sobre feridos, de acordo com um policial da Delegacia de Combate às Drogas.

 

Um outro confronto, esse entre policiais do 27º BPM (Santa Cruz) e traficantes da Favela do Aço, em Santa Cruz, na zona oeste, terminou com três homens mortos, na madrugada desta sexta. Policiais do Grupamento de Ações Táticas (GAT) se dirigiam para o Posto de Policiamento Comunitário (PPC) da favela quando se depararam com um grupo de traficantes, segundo a PM.

 

Houve troca de tiros e os criminosos foram baleados. Eles foram socorridos no Hospital Pedro II, mas não resistiram aos ferimentos. Com o trio, a polícia apreendeu uma pistola, dois revólveres, 408 sacolés de cocaína, 683 trouxinhas de maconha, 52 pedras de crack, um rádio transmissor e R$ 99.

 

No Morro da Coroa, no Catumbi, os policiais apreenderam com os traficantes um fuzil AK 47 dourado, que estava em manutenção. Foram encontrados ainda munições de diversos calibres, drogas, armas desmontadas, farto material para montagem de armamento, lunetas e radiotransmissores, segundo informou uma policial da Dcod. Um homem foi detido para averiguação.

 

Além da Dcod, homens da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core) também foram ao local. A ação policial recebeu a cobertura de um helicóptero.

 

Prisão

 

Na manhã desta sexta, o gerente do tráfico de drogas do Morro do Chapadão foi preso na zona norte do Rio. Junto com Luan Maciel Tito, de 22 anos, conhecido como "Neguinho", foram apreendidos 185 sacolés de cocaína, 125 pedras de crack e 251 trouxinhas de maconha. Ele foi autuado em flagrante por tráfico de drogas.

 

Texto ampliado às 16h32 para acréscimo de informações.

Mais conteúdo sobre:
tiroteio Rio Morro da Coroa

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.