Tiroteio em morro paralisa linha do metrô

O trecho entre as estações Fazenda Botafogo e Engenheiro Rubens Paiva da linha 2 do metrô, na zona norte, ficou parado durante seis minutos por causa de um tiroteio ocorrido às 14h25 desta terça-feira. Segundo a polícia, os tiros vieram do morro da Pedreira, ocupado em seguida por cerca de 40 policiais militares. Até o início da noite, ninguém foi preso e não houve registro de feridos.Segundo a assessoria do metrô, funcionários ouviram os tiros e, para garantir a segurança dos passageiros, preferiram interromper o andamento dos trens nos dois sentidos da estação. Às 14h31, o trabalho foi normalizado. Na hora do tiroteio, várias pessoas estavam na rua e se refugiaram na estação, que permaneceu aberta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.