Tiroteio intenso assusta moradores do Morro de São Carlos, no Rio

Segundo o comando da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP), policiais foram recebidos a tiros durante patrulhamento no local

O Estado de S. Paulo

12 de abril de 2015 | 17h10

RIO - Um tiroteio no Morro do São Carlos, na zona norte do Rio de Janeiro, deixa os moradores da comunidade em estado de alerta na tarde deste domingo, 12. Segundo o comando da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) São Carlos, policiais foram recebidos a tiros na localidade conhecida como Querosene durante um patrulhamento para checar uma denúncia.

De acordo com o comando da UPP há informações de que um homem teria sido atingido, o que ainda não foi confirmado. Uma pistola foi apreendida no local. A ocorrência será registrada pela 17ª DP.

A situação nas favelas cariocas é tensa. Na semana passada o menino Eduardo de Jesus, de 10 anos, morreu atingido por um tiro de fuzil na cabeça no Complexo do Alemão. Ao todo quatro pessoas foram assassinadas em dois dias na comunidade.

Tudo o que sabemos sobre:
morro são carlosrio de janeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.