Tiroteio pára Avenida Brasil; polícia diz já estar acostumada

Mais uma vez, um tiroteio fechou a Avenida Brasil, uma das principais vias de acesso ao Rio, por cerca de uma hora. O confronto, ocorrido por volta da zero hora desta quinta-feira, na altura do bairro de Irajá, na zona norte, foi entre traficantes de drogas e policiais militares.O comandante da PM, coronel Hudson Miranda, minimizou o incidente: "Já estamos acostumados a tomar tiro lá. Estou cansado de ir a enterro", afirmou Miranda, em conversa informal com jornalistas. O comandante disse também que os PMs vêm enfrentando bandidos ousados, que andam com granadas penduradas no pescoço e as lançam contra os policiais quando os vêem. "Nós estamos lidando com outro tipo de criminoso", acredita o coronel. "Você não vê isso em outros estados." Ele informou que somente no mês de novembro foram apreendidos com traficantes 58 granadas e 23 fuzis, de fabricação argentina e norte-americana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.