Tiroteios fecham Avenida Brasil no Rio

Motoristas e pedestres viveram momentos de pânico duas vezes na madrugada desta quarta-feira na Avenida Brasil, cidade do Rio de Janeiro. Dois tiroteios entre cerca de 50 policiais militares do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e traficantes da Favela de Manguinhos bloquearam a avenida à 1h e à 1h50 no trecho conhecido como "Beco do Papai", entre os bairros de Vila do João e Vila da Esperança. O trânsito foi interrompido desde a Fundação Oswaldo Cruz até o Viaduto Pedro Álvares Cabral, em Benfica. Motoristas de ônibus, caminhões e de veículos de passageiros tiveram de voltar pela contramão; pedestres e outros motoristas que abandonaram seus carros jogaram-se no chão com medo de serem atingidos pelos tiros. Várias explosões de granadas foram ouvidas. Não há informações sobre feridos. Já são três fechamentos da Avenida Brasil em menos de 24 horas. Ontem a avenida foi bloqueada às 4h após um intenso tiroteio que terminou com um policial ferido na perna. As informações são da GloboNews.

Agencia Estado,

25 Junho 2003 | 04h11

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.