TJ nega habeas-corpus a Edinho

O Tribunal de Justiça (TJ) de São Paulo negou nesta quarta-feira, 29, liminar de habeas-corpus impetrado pelo ex-goleiro Edson Cholbi do Nascimento, o Edinho, filho de Pelé. O despacho é do relator do processo, desembargador Mariano Siqueira, da 1ª Câmara Criminal, segundo o site do TJ.Além de Edinho, mais dez pessoas acusadas de envolvimento com tráfico de drogas pleiteavam a liberdade no mesmo pedido. Segundo o TJ, a decisão é provisória e pode ser alterada no julgamento do mérito. No último dia 6, o juiz da 1ª Vara Criminal de Praia Grande, Edegar de Sousa Castro, negou um primeiro pedido de habeas-corpus apresentado pela defesa. O ex-goleiro está preso na Penitenciária 2 de Tremembé desde fevereiro por conta de um processo que responde em Praia Grande, desta vez por lavagem de dinheiro. Supremo Tribunal FederalCom a decisão, a poderá deverá recorrer ao Supremo Tribunal Federal para conseguir a revogação da prisão temporária, a exemplo da liberdade conseguida no processo em que Edinho é acusado de envolvimento com o tráfico de drogas.A prisão de Edinho ocorreu durante a Operação Indra, desenvolvida pelo Denarc em junho do ano passado e que desbaratou a quadrilha de Ronaldo Duarte Barsotti de Freitas, o Naldinho, acusado de chefiar o tráfico de drogas na Baixada. O ex-jogador foi acusado de participar do esquema em associação para o tráfico e reponde também pelo crime de lavagem de dinheiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.