Torcedores detidos por apedrejar PMs após o jogo

Sete pessoas foram detidas na noite de terça-feira e levadas ao 24º Distrito Policial, de Ermelino Matarazzo, acusadas de fazerem parte do grupo de torcedores que atiraram pedras e bombas de pequeno impacto contra policiais militares. Comemorando a vitória do Brasil, por volta das 19 horas, o grupo de menos de 50 pessoas obstruiu a Av. Itinguçu, na Vila Ré, zona leste da capital paulista. Quando uma guarnição da PM chegou para dispersar os torcedores, foi recebida com pedradas e com as explosões. Segundo a PM, um policial foi atingido por uma pedra e sofreu deslocamento do ombro. Ele foi medicado e liberado. O grupo detido não tinha passagem na polícia e foi dispensado pelo delegado de plantão, que instaurou inquérito de averiguação de arruaça.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.