Total de mortos em rodovias federais caiu 10% no feriado

Apesar de o feriado de Nossa Senhora da Aparecida ter tido mais acidentes nas estradas, o número de mortos foi 10% inferior ao registrado em 2000, quando morreram 75 pessoas. De acordo com o resultado parcial da Polícia Rodoviária Federal (PRF), entre a zero hora de quinta-feira e a meia noite de domingo, foram contabilizados 1.263 acidentes, 843 feridos e 65 mortes nas rodovias federais brasileiras."Consideramos positiva a redução do número de vítimas fatais em 2001", disse ontem o coordenador-geral de Operações do Departamento de PRF, inspetor Ezio Ricardo Borghetti. "As chuvas também contribuíram bastante para o aumento de acidentes nas rodovias." Em comparação com o mesmo feriado do ano passado, o saldo de mortos nas rodovias paulistas também foi menor. Em 2000 foram registradas 10 mortes e este ano, sete. O número de acidentes, no entanto, aumentou 40% com relação ao ano passado e passou de 121 para 169. Um dos motivos, explicou Borghetti, é que o feriado anterior havia caído em uma quinta-feira e a movimentação de carros começou um dia antes.137 pessoas foram presasMinas Gerais foi o Estado onde a Polícia Rodoviária Federal registrou o maior número de acidentes. Foram 207 acidentes, 146 feridos e 17 mortes. O Distrito Federal, segundo a PRF, teve 24 acidentes, 10 feridos e 10 mortes. No Pará, onde acontece o Ciro de Nazaré, houve redução do número de acidentes em 17%, de feridos em 50% e nenhuma vítima fatal. Santa Catarina, estado que comporta neste período a Oktoberfest, também registrou queda no número de acidentes em 22%. O número de mortes passou de 16 para apenas 8 e o número de feridos de 99 para 101. Aproximadamente 3 mil policiais trabalharam com bafômetros e radares eletrônicos. Durante os três dias de feriado prolongado foram apreendidos 3 quilos e meio de cocaína, 152 quilos de maconha, 9 armas de fogo, 3 armas brancas, 1.270 pacotes de cigarros contrabandeados e 87 animais silvestres. Além disso, 11 veículos roubados foram recuperados, 36 carteiras de habilitação foram recolhidas e 137 pessoas foram presas. O balanço final da Operação Nossa Senhora da Aparecida será divulgado amanhã pela PRF.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.